Refrigerador

Qual a diferença entre geladeira e refrigerador?

geladeira ou refrigerador na cozinha
Escrito por WebContinental

Procurando por eletrodomésticos, você já deve ter se deparado, em diversas ocasiões, com a utilização dos termos refrigerador e geladeira para identificar produtos com a mesma funcionalidade. Mas você já se perguntou, afinal, qual é a diferença entre geladeira e refrigerador?

A resposta é: nenhuma. Geladeira e refrigerador são palavras sinônimas utilizadas para se referir a exatamente o mesmo aparelho, que é aquele bem conhecido eletrodoméstico utilizado para conservar alimentos – sem o qual praticamente não sabemos mais viver. Mas, então, de onde surgiu essa confusão de termos? Para responder isso, vamos voltar um pouquinho no tempo e entender as origens da geladeira.

Como surgiu a primeira geladeira

geladeira antiga

Como já sabemos, armazenar e conservar os alimentos, especialmente as carnes, é uma necessidade básica e fundamental de qualquer casa, e isso já vem de muito tempo. Foram muitas tentativas, ao longo da história, de se criar algo que permitisse conservar os alimentos por mais tempo e, mais difícil ainda, produzir gelo artificialmente.

A primeira dessas tentativas que realmente deu certo aconteceu em meados de 1850, quando o médico americano John Gorrie inventou uma máquina a vapor que movia um pistão dentro de um cilindro, permitindo congelar água pura. No entanto, a ideia foi recebida com certo ceticismo, e o mecanismo só passou a ser aplicado anos após a morte do seu inventor. A ideia foi sendo aprimorada ao longo dos anos, principalmente após o surgimento da eletricidade, e as primeiras máquinas refrigeradoras domésticas (os refrigerators, no inglês) começaram a ser comercializadas no final do século 19.

No Brasil, o primeiro aparelho refrigerador chegou apenas em 1950, através da marca Frigidaire, da General Motors. E foi aí que surgiu por aqui o termo popular geladeira, que vem do gelo produzido pelo aparelho e do fato de que ele gela (ou resfria) o que estiver no seu interior. Por muitos anos, também, a palavra frigidaire foi utilizada como sinônimo de geladeira, sendo um daqueles casos em que a marca vira sinônimo do produto.

A geladeira hoje em dia

Se naquela época o refrigerador era um eletrodoméstico adquirido somente por quem tinha muito dinheiro para investir nele, hoje a situação é outra: a geladeira virou um item necessário em qualquer residência e todo mundo possui uma no seu lar.

Fonte: Zoonek

Fonte: Zoonek

E os modelos também mudaram – e muito! Antigamente, os refrigeradores eram menores, possuíam uma porta e, dentro, havia um pequeno compartimento congelador. Hoje, há uma variedade enorme de funcionalidades e características nestes eletrodomésticos, com modelos para todo tipo de necessidade. Alguns dos modelos de refrigeradores mais comuns são os de uma porta, Duplex, Side by Side e Inverse. Inclusive, já falamos sobre eles aqui no blog: clique e confira algumas dicas para escolher a melhor geladeira.

Afinal, é geladeira ou refrigerador?

Agora você já sabe, não tem problema falar um ou outro nome. Você pode usar tanto a palavra geladeira como refrigerador para se referir ao mesmo eletrodoméstico, porque são termos sinônimos. A única diferença é que refrigerador é um termo com jeito mais “formal”, e geladeira é já é mais popular e utilizado somente no Brasil.

Aqui na Webcontinental você encontra os principais modelos de refrigerador (ou geladeira) com o preço e qualidade que você precisa. Confira nossas ofertas!

Fontes: Superinteressante e Carro Cultura

Sobre o autor

WebContinental

Deixe um comentário

Powered by themekiller.com anime4online.com animextoon.com